29/10/13

POR FAVOR, NÃO DEIXEM ESQUECER ANTÓNIO FRAGOSO....

Será que corremos o risco de esquecer...

A N T Ó N I O   F R A G O S O?

SIM,

  • Porque, depois de toda a sua obra musical ter sido revista tecnicamente pela Universidade de Coimbra, todas as suas composições terão de ser objeto de revisão por um compositor de reconhecidos méritos, e isso custa alguns milhares de euros;

  • Porque logo a seguir, teremos que fazer a notação e a indispensável revisão da notação. Também isso custa mais alguns milhares de euros;

  • Depois desejamos colocar num site todas as suas partituras para que possam ser utilizadas por músicos de todo o mundo. Ora a criação de um site tem os seus custos…

  • Também o seu inédito espólio literário já foi transcrito, estão a desenrolar-se novas investigações sobre o percurso de vida de António Fragoso e prevemos receber os textos para serem publicados em finais de 2014. Mais investimento…

  • Ao longo destes últimos três anos, um crescente número de artistas estrangeiros têm vindo a interpretar a música de Fragoso. Consideram-na de grande valor e colocam-na na classe dos grandes compositores imortais, mas continuam a ter enormes dificuldades em obter as suas partituras…

  • O que se está a descobrir, conduz à elaboração de uma indispensável nova Biografia, porque o que de novo se está a estudar sobre Fragoso a isso obriga. E, como sabem, um livro custa a escrever e a editar. Não temos, nem tivemos até agora qualquer subsídio governamental e só recebemos um apoio do Município de Cantanhede para a edição de uma coleção de CD’s temática intitulada “Eternal Music” que nos apresenta Fragoso ‘ao lado’ dos grandes compositores imortais, como Beethoven, Mozart, Mahler, Debussy, Schubert, Chopin e tantos outros. Concorremos a apoios, mas esta coleção não foi contemplada com qualquer subsídio estatal, apesar de ser visível que, desta maneira, Fragoso se tornava num deles e se internacionalizava. Reproduzir os dez discos e comercializá-los no mundo inteiro, custa também  milhares de euros…

  • Um conceituado e muito famoso pianista estrangeiro está a gravar a Integral de Piano de António Fragoso. Apesar de termos negociado condições bastante favoráveis, o CD,  sua gravação e reprodução custam dinheiro….

  • Também uma das nossas maiores sopranos, acompanhada por um reconhecido acompanhador, nos propôs gravar a Integral de Canto…

  • E muitos mais projetos de colocar António Fragoso no patamar da fama que ele tanto merece, existem, mas têm sido adiados sine die. Até quando?

Mas, não podemos continuar a adiar tudo e “também a sua obra”…
E de Fragoso só se pode dizer, como fazia o Maestro Pedro de Freitas Branco, que “tinha a envergadura necessária para se tornar o maior compositor português de todos os tempos”.

Mas para que tudo isto se concretize, precisamos da generosidade dos nossos AMIGOS.

Pode contribuir com qualquer quantia e será “Mecenas Cultural de Fragoso”. A  Associação António Fragoso foi reconhecida entidade de Interesse Cultural, por Despacho do Secretário de Estado da Cultura, datado de 21 de Janeiro de 2013. Assim, o seu donativo usufrui dos benefícios fiscais em IRS ou IRC, ao abrigo da Lei do Mecenato (Art.º 62 ou 63º do Estatuto dos Benefícios Fiscais).

Poderá remeter-nos o seu donativo por cheque ou por transferência bancária para a nossa conta
com o NIB 0035 0632 00000136530 96

Ou para o     IBAN  PT50 0035 0632 00000136530 96                                      
com  o   BIC Swift  CGDIPTPL

Por facilidade administrativa, solicitamos o envio do comprovativo da transferência bem como o seu NIF e morada para remessa do respectivo recibo. Se quiser fazê-lo anonimamente, só pode contar com a nossa eterna gratidão.

Para o esclarecimento de qualquer dúvida pode usar o telf. 961 328 336 ou para a nossa sede sita no 
Largo António de Lima Fragoso, nº 12
3060 - 503 POCARIÇA

ou para o nosso mail: aaf@antoniofragoso.com

Desde já, o nosso amigo BEM HAJA, porque está a contribuir para que António Fragoso não seja esquecido pelas gerações vindouras e se torne IMORTAL.                                                                     
                                                                        A Direção da
                                                           Associação António Fragoso                                                        
Pocariça, Outubro de 2013  

        













21/10/13

Concerto de Homenagem a Helena de Sá e Costa, por MANUEL ARAÚJO

Uma nova parceria nasceu, e logo com uma

 Homenagem à grande pianista 

HELENA DE SÁ E COSTA

De facto, um simpático convite da A2C2 - Associação dos Amigos do Conservatório de Música de Coimbra, à nossa Associação António Fragoso e à sua Academia Internacional de Música de Coimbra 'Aquiles Delle Vigne'originou que se estabelecesse um acordo de parceria para se promoverem em conjunto alguns recitais durante as suas Temporadas de "Concertos às Quintas". E é já na próxima quinta, dia 24 e pelas 21,30 h, que o pianista e Sub-Diretor Artístico da 'Academia Internacional de Música de Coimbra' MANUEL ARAÚJO vai inaugurar esta parceria com um recital em que interpreta:

  • J.S.BACH - Prelúdio e Fuga BMW 853 em Mi b m
  • J. HAYDN - Sonata Hob XVI: 48 em Dó M
  • F. SCHUBERT - Fantasia em Dó M ,opus 15 (Wanderer)
  • A. FRAGOSO - Nocturno em Ré b M
  • L. COSTA - Cachoeiras da nossa terra e Fiandeira
  • I. STRAVINSKY - Trois Mouvements de Petrouchka
Sobre Manuel Araújo nada melhor para o definir como pianista do que as próprias palavras de Helena Sá e Costa: "dotado de um desenvolvimento enorme, de capacidade pianística, sonoridade e arrebatamento, sensível poesia, virtuosismo, abrange vários géneros e salta à nossa vista o seu conhecimento das obras e a variedade do toucher. Com grande força interior, que os anos irão desenvolver. Um pianista brilhante." 

 É com orgulho que a Associação António Fragoso aceita o desafio da A2C2, convidando para dar início a esta parceria o seu Conselheiro Artístico, MANUEL ARAÚJO, um 'enorme' pianista .
                           
O concerto realiza-se no Grande Auditório do Conservatório de Música de Coimbra, sito à Rua Pedro Nunes, em Coimbra, no dia 24, pelas 21,30 h.

Não percam este concerto..... prometemos uma brilhante atuação.

14/10/13

E AGORA??????

Depois de um extraordinário fim de semana todo ele pensando em António Fragoso e no maravilhoso concerto dos dias 12 / 13 e da emocionante missa seguida da comovente romagem ao seu túmulo. Todos reconhecem que o concerto foi considerado como um concerto inesquecível.
Mas a vida continua e esta Associação António Fragoso vai, já no próximo fim-de-semana dar uma volta de 180 graus: sim, vamos passar rapidamente de uns dias  de saudade e nostalgia para rumarmos para  outros completamente descontraídos e meio loucos. Sim, porque no próximo sábado vamos todos 'BOMBAR' à custa da Orquestra Ligeira - OPUS 21 num GRANDIOSO BAILE DOS BOMBEIROS. Sim, de facto, no próximo dia 19/10, a partir da 21,00 h, vamos todos acorrer ao salão nobre dos Bombeiros Voluntários de Cantanhede, onde se realizará um revivalista baile. Vamos ter cavalheiros de gravata - cada a oito agulhetas - e damas a condizer - a seis opus cada - que dançarão ao som da excelente ORQUESTRA LIGEIRA - OPUS 21, um dos novos agrupamentos da nova Academia de Música António Fragoso, sob a magistral direcção do Maestro Evaristo Neto. Tocarão  músicas que vão das mais famosas canções dos anos 20 às mais conhecidas dos anos 60. No intervalo das suas actuações o DJ MBaptista porá todos os pares a dançar seguindo o mesmo critério da Orquestra,ou seja, música para SE DANÇAR.
Ah!! Não se esqueçam que, como nos mais antigos bailes, haverá um BUFETE para se animar e dançar sem passar fome ou sede.    

E este baile servirá para angariar fundos a favor dos valorosos Soldados da Paz, a quem todos muito devemos.

NO SÁBADO, DIA 19, VAMOS TODOS, MAS MESMO TODOS AOS BOMBEIROS E DANCEMOS...DANCEMOS...DANCEMOS.