03/01/10

Marco Pereira


O violoncelista Marco Pereira interpretou, com a violinista Ana Pereira (sua irmã) e o pianista Paulo Pacheco, e segundo e o quarto andamentos do Trio de António Fragoso.

Iniciou os seus estudos musicais na Escola Profissional de Música de Viana do Castelo, onde terminou o curso de Instrumento com a classificação de 20 valores. Prosseguiu os seus estudos na Academia Nacional Superior de Orquestra na classe do Professor Paulo Gaio Lima, terminando o curso de Instrumentista de Orquestra com a classificação de 20 Valores. Entre 2003 e 2006 estudou na Escuela Superior de Musica Reina Sofia, em Madrid, na cátedra de violoncelo-Sony da professora Natalia Shakovskaya. No ano seguinte, frequentou o curso de música de câmara, com o quarteto Pandora, no Instituto Internacional de Musica de Camara de Madrid, na cátedra do Professor Rainer Schmidt. Frequentou master-classes com Xavier Gagnepain, Lluis Claret, Paulo Gaio Lima, Miklos Pereny, Natalia Shakovskaya, Josephine Knight, Natalia Gutman, Marcio Carneiro, Antonio Meneses, Gary Hoffman, entre outros. Colaborou e foi solista com inúmeras orquestras, como Orquestra da Póvoa de Varzim, Orquestra Gulbenkian, Orquestra APROARTE, Orquestra Académica Metropolitana, Orquestra Sinfónica Portuguesa, Orquestra Metropolitana de Lisboa, Proyecto Guerrero, Plural Ensemble, Remix Orquestra, Orquestra Nacional de Espanha, entre outras. Trabalhou com maestros como Ros Marba, António Saiote, Sir Colin Davies, Ernest Schell, Brian Schembri, Jean Marc Burfin, Cesário Costa, Osvaldo Ferreira, Álvaro Cassuto, Julia Jones, Michael Zilm, entre outros. Foi laureado no concurso Júlio Cardona e Prémio Jovens Músicos, neste último na classe de música de câmara nível médio com 1º e 3º prémios. Também ganhou o 1º prémio no mesmo concurso, na classe de violoncelo nível Superior em 2003, tendo ainda sido laureado com o Prémio Maestro Silva Pereira. Foi ainda distinguido com o 1º prémio nos concursos "Liezen International Wettbewerb für Violoncelo", na Áustria, no VI concurso de interpretação do Estoril e no "VI Certamen de Musica de Camara del Sardinero" em Santander, com o quarteto Mendelsohn BP, em Maio de 2006. Foi laureado recentemente com o 2 º prémio no Concurso Internacional de Música de Câmara de Alcobaça, com o Quarteto de Cordas de Matosinhos. Apresenta-se regularmente em recitais com a pianista Ofelia Montalvan, em Portugal e Espanha. Recentemente participou na gravação de um CD para a etiqueta Sony, tocando a sonata de Beethoven nº 5 em Ré Maior, op. 102. Foi considerado, no ano lectivo 2005/2006, pela Escuela Superior de Musica Reina Sofia como o melhor aluno da cátedra de Violoncelo-Sony, e também com o seu quarteto "Mendelsohn BP" como o melhor quarteto da cátedra de quarteto de cordas. Actualmente integra os grupos Sond’Ar-te Electric Ensemble, “Triunviratu” e Quarteto de Cordas de Matosinhos. É professor de violoncelo na Universidade do Minho. Dedica parte da sua carreira a dar recitais e concertos a solo e ainda a aperfeiçoar a sua carreira a solo, acompanhado por vários maestros do Violoncelo, como Natalia Shakhovskaya, Natalia Gutman, Gary Hoffman. Tocou a solo com a Orquestra Gulbenkian no concerto “European Union of Music, Competitions for Youth- EMCY 2008”, em representação de Portugal. Participou no concerto de homenagem a Mstislav Rostropovich, realizado em Madrid, no Palácio Real, em Janeiro de 2009. Desde Setembro de 2009, é o primeiro violoncelo da Orquestra Metropolitana de Lisboa.

Sem comentários:

Enviar um comentário